Efeitos psicológicos da impotência (disfunção erétil)

A impotência, também conhecida por disfunção eréctil, afeta significativamente a qualidade de vida do doente e manifesta-se em mais homens do que se poderá imaginar. Esta condição pode gerar um enorme stress e frustração para o próprio mas também para a companheira/o, o que por sua vez poderá agravar este problema.

A dificuldade em atingir a ereção pode dever-se a problemas vasculares, endócrinos, neurológicos, incapacidade física ou outra condição médica, mas na maioria dos casos trata-se de um problema do foro psicológico. Em condições de saúde normais, a ereção pressupõe duas condições: excitação sexual e relaxamento. E se por um lado o estado de excitação pode ser fácil de atingir, sabe-se que o nem sempre é possível atingir um grau de relaxamento adequado.

Os motivos que levam à manifestação do problema podem ser os mais diversos, variando desde problemas relacionados com trabalho ou financeiros, preocupações com a saúde, conflitos com familiares e amigos ou até horários desgastantes.

Muitas vezes esta situação é combatida com recurso a medicamentos que facilitam a ereção. No entanto, os métodos farmacológicos não resolvem o problema desde a raiz, e se a incapacidade em atingir a ereção persistir poderá ser necessária uma abordagem psicoterapêutica.

Causas psicológicas da impotência
Serviço de Excelência

3,987 classificações de pacientes

4.8/5
Tudo incluído no Preço

Avaliação, Receita médica e entrega Grátis

Privado e Convidencial

Entrega e Pagamentos discreto

Medicamentos Originais:

Prescritos por médicos registados no Reino Unido

Sobre Efeitos psicológicos da impotência (disfunção erétil)

Obtenha tratamento em apenas 3 simples passos
Complete o seu formulário médico
Escolha o seu Tratamento
Entrega Expresso grátis
Tratamento Disponível Disfunção Erétil
Caixa de Viagra 100mg
4.6/5 - 109 Classificações

Viagra

  • Eficácia a partir dos 30 minutos e até 4 horas
  • Disponível nas doses de 25mg, 50mg e 100mg
  • Entrega grátis no dia seguinte
  • Embalagem e entrega discretas
4.3/5 - 74 Classificações

Sildenafil

  • Efeitos com início em 30 minutos e duração até 4 horas
  • Disponível nas doses de 25mg, 50mg e 100 mg
  • Entrega no dia seguinte, sem custos adicionais
  • Entrega numa embalagem discreta
4.6/5 - 121 Classificações

Cialis

  • Faz efeito em 30 minutos e dura até 36 horas
  • Está disponível nas doses de 10mg e 20mg
  • A entrega é gratuita e realizada no dia seguinte
  • O serviço de entrega é discreto
Ver mais tratamentos

Perda de autoestima

A masculinidade do homem é muito valorizada na nossa sociedade, e a sua capacidade de atingir a ereção está no topo das características mais valorizadas neste âmbito. Por isso, quando confrontado com a impotência, o homem tende a perder a confiança em si próprio, sentindo-se pouco viril, atraente ou até digno de seduzir e ser seduzido.

Todos estes sentimentos podem afetar a capacidade de criar novas relações ou manter um relacionamento amoroso.

Ansiedade

Para muitos homens, a ansiedade pode por si só ser a causa principal para a manifestação da disfunção erétil. Quando o ser humano se sente ansioso dá-se a libertação de hormonas associadas ao stress, que entre outros efeitos levam à contração de determinados vasos sanguíneos, reduzindo a irrigação de alguns órgãos, entre os quais o pénis.

Contudo, a partir do momento em que o homem se apercebe que a sua performance sexual está diminuída, a ansiedade poder-se-à agravar, agravando também a impotência, de forma a que ambas as condições se afetem de forma cíclica.

Depressão

A falta de autoestima, frustração, e os problemas secundários à impotência sexual podem precipitar a instalação de quadros depressivos, cuja resolução deverá ter em conta o tratamento da impotência. A depressão caracteriza-se por sintomas variados, sendo mais frequentes:

  • Tristeza persistente
  • Falta de esperança
  • Pessimismo
  • Fadiga
  • Mudança no apetite (aumento ou redução)
  • Perda de interesse nas atividades que antes lhe davam prazer

Está demonstrado que a resolução da disfunção erétil contribui significativamente para a melhoria de estados depressivos em homens que sofram de ambos os problemas.

No entanto, alguns dos antidepressivos disponíveis têm um efeito negativo na disfunção erétil. Por isso, é muito importante que o homem seja honesto para com o seu médico acerca deste aspeto da sua vida.

Impacto nas relações interpessoais

Com a parceira

A impotência gera um sentimento de insegurança e culpa constantes, que leva a que o homem fique alerta para todo o tipo de contato de possa levar à relação sexual. Isto faz com que tente evitar a todo o custo o contato mais íntimo, ou até que perca toda a vontade de ter relações sexuais perante a perspetiva de que vai falhar. Ao longo do tempo, este tipo de comportamento pode levar a que o homem se distancie gradualmente da sua companheira, ainda que este seja compreensiva e esteja disponível para ajudar.

Por outro lado, e quando não há diálogo entre parceiros, a falta de procura e o aparente desinteresse por parte do homem pode fazer com que o outro membro do casal se sinta pouco desejado ou até gerar suspeitas de infidelidade, o que afetará também a sua autoestima.

Problemas com a parceira

Com amigos e família

O desgaste emocional que a impotência provoca pode refletir-se também nas relações com aqueles de quem mais gosta.

Isto pode acontecer por vários motivos. Quando convive com os amigos do sexo masculino, o homem pode sentir-se "ameaçado" ou fragilizado por outros homens quando confrontado com conversas que envolvam o tema da sexualidade. Por outro lado, a frustração, depressão ou ansiedade secundárias à disfunção erétil podem torná-lo mais triste, irritadiço e desanimado, o que o poderá tornar menos sociável ou aumentar a vontade de se isolar dos outros.

Resolução

Quando a impotência prejudica significativamente a qualidade de vida, é importante procurar a ajuda de um psicoterapeuta que consiga estabelecer as suas causas e ajudar na gestão deste problema, através da psicoterapia e eventualmente medicação (o Viagra, o Sildenafil (o genérico do Viagra), o Cialis, o Levitra e o Spedra).